Você está acessando nosso website pela primeira vez. Nosso site, objetivando permitir, particularmente, uma melhor interação com você, bem como para permitir funcionalidades para melhorar o funcionamento técnico das páginas, mensurar a audiência do website e oferecer produtos e serviços relevantes por meio de anúncios personalizados, coleta informações do seu dispositivo e da sua navegação por meio de cookies. Para saber mais sobre a coleta de dados/informações e cookies que coletamos, acesse a nossa Política de Privacidade.

Aceitar Não aceitar

Para ver o formulário de contatos você aceita nossa Política de Privacidade.

Aceitar Não aceitar

Inovação, criatividade e tecnologia estarão na 35ª Fetin

Alunos do Inatel e do exterior apresentam projetos na Feira Tecnológica

Three Move projFetinAuxiliar deficientes em sua reabilitação, automatizar o controle do farol do carro, ajudar na localização de vagas em estacionamentos privados, converte a fala do professor em texto para ser utilizado por estudantes com deficiência auditiva, esses e outros projetos estarão presentes na Feira Tecnológica do Inatel, que esse ano completa 35 anos.
,br /. Essa edição da Fetin acontece entre os dias 26 e 28 de outubro, e teve como desafio central ao criação de projetos visando o desenvolvimento sustentável, com base nas 17 metas globais da ONU– Organização das Nações Unidas. Ao todo, serão expostos 70 projetos nas áreas de em diversas áreas como Robótica, e-Health, Internet das Coisas, Games, Segurança e Smart Cities.

Entre os projetos desenvolvidos pelos estudantes do Inatel está o Auto CarLigth que tem a função de oferecer aos motoristas a opção de automatizar o controle do farol, o que auxilia os condutores não só na direção noturna, como também com Lei do Farol Baixo, que obriga manter o farol aceso do veículo durante o dia em rodovias. Um robô controlado remotamente com um sistema de sensoriamento e processamento de imagem em tempo real, que pode ser utilizado para substituir humanos em situações perigosas em aplicações espaciais, civis e comerciais, foi a criação da equipe que desenvolveu o BENDER-UGV . Esse equipamento pode ser usados em aplicações militares para a eliminação de explosivos em um ambiente, detecção de minas terrestres, transporte de armamentos, busca e salvamento de pessoas, entre outras aplicações.

PADAWANAs áreas de reabilitação, tecnologia assistiva e engenharia biomédica foram bastante exploradas pelos alunos. O Bionic Bracing é um projeto que surgiu da necessidade do pai de um aluno do Instituto, onde foi desenvolvida uma órtese que ajuda pessoas com problemas de movimentação do membro superior. Essa órtese possui um sensor que detecta o movimento do músculo e envia a resposta para o microcontrolador, que é programado para receber esse sinal e acionar o motor que será responsável por auxiliar no movimento do braço. O Three Move é um jogo virtual criado para ajudar na reabilitação de pacientes com alguma deficiência motora nas mãos. O jogo tem a capacidade de captar todos os movimentos das mãos e dos dedos através de um sensor podendo ser jogado por pessoas com déficit motor em uma ou ambas as mãos, além de pessoas com dificuldade de atenção ou aprendizado. Já o FYB (Find your beloved) é um sistema que permite a localização e rastreamento de pacientes com Alzheimer ou distúrbios mentais para evitar o seu desaparecimento. O aplicativo é de fácil acesso e pode ser utilizado por qualquer pessoa, independentemente de possuir conhecimento em tecnologia ou não. Outro projeto em destaque é o PADAWAN, uma tecnologia de baixo custo, que converte a fala do professor em texto para ser utilizado por estudantes com deficiência auditiva nas salas de aula. As gravações da fala do professor ocorrem em tempo real e os arquivos são guardados no formato de PDF.

Dentre as metas da ONU, o SOLAR LOOP vem auxiliar na captação de energia solar, sendo uma das soluções para a crise energética que assola a população brasileira. Este projeto propõe acompanhar a direção do sol, aumentando a eficiência dos painéis e a geração de energia em 40%, quando comparado com a instalação de módulos fixos. Para ver os demais projetos que estarão expostos durante a Fetin 2016 acesse http://www.inatel.br/fetin/projetos .

Além desses projetos, trabalhos que vem sendo desenvolvidos no Instituto também estarão expostos nos stands dos cursos.

Fetin Internacional

Pelo 5º ano, evento contará com a participação de estudantes estrangeiros. Alunos da China, Japão, Alemanha, Bolívia e Colômbia apresentarão 22 trabalhos, mostrando suas inovações na área da feira destinada à troca de experiências acadêmicas e culturais.

 

Inatel

Instituto Nacional de Telecomunicações – Inatel

Campus em Santa Rita do Sapucaí - MG - Brasil

Av. João de Camargo, 510 - Centro - 37540-000

+55 (35) 3471 9200